Terapia Psico-Energética nos tratamentos estéticos

Gorduras localizadas, celulite, olheiras, acne e outros sinais "desagradáveis" são recados que o corpo manda ao espelhar as emoções tóxicas que navegam em nossas mentes e corações. Tratamentos estéticos não resolverão os problemas de relacionamento que se tem. Quanto mais você "engolir" e guardar mágoas, por exemplo, mais seu corpo engordará, pois a gordura representa o casulo que o inconsciente prepara para a proteção dos problemas externos. E por aí o corpo atua em outros diversos sinais e conexões sutis. Veja, neste artigo de Lucila Palácio, terapeuta holística, como a abordagem Psico-Energética faz o mapeamento desses processos e sua conseqüente cura, gerando bem-estar e beleza.

Desde a antiguidade, existe uma preocupação com relação à mente e ao corpo. Há 5.000 anos, o imperador chinês Chin Shih Huang Ti, considerado hoje o pai da acupuntura e da medicina chinesa, acreditava que a mente tem poder sobre o corpo. Além dele, grandes filósofos e matemáticos, como Pitágoras, Platão e Aristóteles, também consideravam verdadeiro esse fato.
No mesmo sentido, a bioenergética tem como tese fundamental o funcionamento idêntico e interligado do corpo e da mente; ou seja, tudo o que ocorre na mente se reflete no corpo. Portanto, a saúde é o total bem estar psico-bio-social do indivíduo e a doença é um contínuo desequilíbrio.
Quando o ser humano guarda mágoas, ressentimentos, ódio, etc., geralmente somatiza numa doença para justificar a perda de energia que se teve devido à situação provocada por esses sentimentos. Ele adoece para ter uma válvula de escape entre os conflitos psíquicos e emocionais, por isso há a necessidade de conhecer-se, de mapear e entender o que se passa no corpo.

O que o corpo quer dizer - As respostas fisiológicas do organismo humano, associadas a emoções, produzem mudanças corporais específicas que preparam o organismo, através da vigilância emocional, para enfrentar os desafios e até para a sobrevivência. Durante os afetos, as reações fisiológicas são geradas pelo sistema nervoso central, nervoso autônomo e glândulas endócrinas. O sistema nervoso central desperta, regula e integra respostas durante uma emoção. O córtex cerebral, que é exclusivo da raça humana, é responsável pelo controle dos movimentos do corpo, pela percepção dos sentidos, pensamento, inteligência e pelos hemisférios cerebrais direito (sonhador, impulsivo, emotivo, excêntrico) e esquerdo (racional, detalhista, previsível, matemático). Para evitar os conflitos internos e suas somatizações, o ideal é usar os dois hemisférios, equilibrando a razão e a emoção.

A estética corporal e facial depende da atitude mental e emocional do indivíduo, de modo que ele precisa respeitar seu corpo e perceber o que este quer dizer com gorduras localizadas, celulite, dor, fadiga, etc. Quando se tem dificuldade, incapacidade de expressar as necessidades e desejos, sem autoconfiança para lutar pelo o que se quer, desenvolvem-se padrões negativos de ansiedade, ressentimentos, raiva, culpa, ciúme, etc. - isso se chama Emoções Tóxicas.

Pode-se constatar esses sinais no organismo através de gases, constipação (intestino), celulite, manchas, acne, cravos (pele), urina com odor, escura, escassa, dolorida (rins), espirros constantes, coriza, catarro, nariz congestionado (pulmões), náuseas, inchaço, indigestão (fígado), gripes constantes, cansaço, olheiras, bolsas sob os olhos ou celulite (sistema linfático).
Tratamentos estéticos não resolverão os problemas de relacionamento que se tem. Quanto mais você "engolir" e guardar mágoas, mais seu corpo engordará, pois a gordura representa o casulo que o inconsciente prepara para a proteção dos problemas externos. A celulite, por exemplo, surge como manifestação das emoções de raiva e autopunição. Para eliminá-la, deve-se enfrentar o medo perante os conflitos. Quanto à fadiga, deve-se observar o que está causando esse cansaço, quando ele atinge nosso corpo devemos perguntar se está faltando amor e carinho pelo que estamos fazendo.
O indivíduo possui uma resistência natural gerada pela conveniência e pela dificuldade de mudança de padrões. Com freqüência, ele repete o modelo herdado dos pais e, por esse motivo, mudar significa ficar "sem chão", se anular; então, o conflito é a única saída.
O tratamento, na visão Psico-Energética, consiste na avaliação corpórea com seus registros nas áreas específicas, identificando os principais conflitos psicológicos e tendências a patologias físicas. O tratamento prossegue com Massagem bioenergética, Terapia Floral e Drenagem Linfática Manual (DLM- Linfo Energia).
Combater as emoções tóxicas como o desânimo, tristeza, raiva, preguiça, orgulho, gula, avareza, que são responsáveis pelas doenças, é libertar-se das limitações impostas, mudando a atitude e a sua essência. O êxito do tratamento depende da determinação do paciente e da mudança de perspectiva mental. O poder invisível da cura do corpo e da alma está no autoconhecimento.

LUCILA PALÁCIO
Enfermeira, pós-graduada em Psicossomática, e Terapeuta em Florais, Reiki, Bioenergética, Terapia Reencarnacionista, Regressão Terapêutica, Apometria Quântica e Cura Quântica
Coordenadora do Espaço de Terapias Vibracionais, em Porto Alegre
www.vibracionais.com.br
http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=20055754

lupalacio@vibracionais.com.br

lucilapalacio@yahoo.com.br

PORTO ALEGRE/RS

Um comentário:

Luciane disse...

Fiquei encantada com a técnica.
Quanto custa as sessões?

 
Série Temática Edição Absoluta/Beleza. COORDENAÇÃO E DESIGN: RICARDO MARTINS. Foto-topo: Jéssica Pulla, bellydancer, clicada por Toni Bassil.